Jeucal Shine “Não vou mudar o mundo, mas alguém que eu influenciar pode mudar”

0
[nome do seu blog]

Jeucal Shine – fala um pouco sobre sua próxima mixtape intitulada “Musicas para os Phones Volume 6”.

Prestes a lançar o volume 6 da saga de mixtapesMusicas para os Phones”, o Rapper e Gladiador da RRPL (Reis do Rompimento Primeira Liga), Jeucal Shine, falou com administrador e fundador do blog Rap Kuia (Rap Kuia aka Bispo) sobre o projeto.

Para saber um pouco mais sobre o mais novo trabalho de um dos mais talentoso do Rap Nacional, fizemos uma entrevista especial com Jeucal. O Rapper nos detalhou seu processo criativo e falou sobre suas inspirações. Confira nossa conversa completa abaixo:

Quais são os temas abordados nas faixas do projeto “Musicas para os Phones Vol.6”?

Jeucal Shine: Bem, há uma diversidade nos temas mas apenas com um objetivo… Libertar idéias! A diversidade aparece nos conteúdos, exemplo a faixa com a participação do Small [Comarca Social] ai nós retratamos da prisão mental, as limitações impingida as pessoas, e a escala de vida que os governantes montaram para terem o control dos seres e essa música vem abrir as portas da liberdade humana. E já o Dentro de Mim que é a primeira faixa do projeto e que não teve participação, a única que não teve, porque nessa música eu deixo claro do que estou a sentir, porque muitos só ouvem, sentem, mas não percebem na realidade o que o artista quer expressar, usei essa faixa para deixar bem claro ao meu ouvinte que já me sinto diferente! Outro ser, ya mais ou menos isso, mas o objectivo das mesmas é liberdade, te tornar você, ajudar o ouvinte a se encontrar e deixar um legado diferente do que estamos acostumados na sociedade e mais em baixo do projeto deixei um skill como bônus onde trouxe uma música com os gladiadores da RRPL de um projeto que infelizmente não teve a expansão que merece e curto tanto da track como nesse projeto não havia skill, yha!… dei espaço a essa track como bônus, porque as minhas taps ou projetos têm de ter a mesma sequência logica!

Quais são as expectativas para o teu atual projecto , quais são os artistas que fazem parte dela e quem se encarregou na produção do projeto?

Jeucal Shine: Bem expectativa, Bispo eu não tenho muitas expectativas ao que concerne atingir um número de ouvinte maior, ou conseguir ter o respeito da mídia, olha que a parceria com o Rap Kuia foi um dos frutos, mas para as pessoas que me ouvem prometo shows de bars que é a minha vibe, algumas pessoas estão a pedir o Projeto Físico, como o Musicas para os Phones Vol.2 em colaboração do S Bruno e deixa agradecer-te Rap Kuia por estares lá nesse dia e cobrir a mesma, você sempre esteve lá. Obrigado pelo teu trabalho com pessoas assim me alinho, verdadeiras! Vou fazer físicos e vou levar o projeto ao Kison, gostei da ideia do aplicativo e isso pode ajudar as pessoas com problemas com os smartphone ao baixar uma música, e espero que supere os meus projetos passados e que dessa vez transforme mais algumas pessoas em elas! Olha essa Mixtape tem uma reação, porque ela ela é feita 99% de participação, normalmente eu gravo os meus projeto minhas  músicas, e recebia muitas criticas ao que concerne qualidade e falta de percepção nos meus temas, fiz o seguinte abri mão de todas as músicas que já participei e misturei todas nesse projeto, por isso é que eles estão todos ai, e as produções fiz todas em estúdios diferentes trabalhei com muitos  produtores, por isso há mais beats inéditos do que americanos, acho que só 1 beat não é original. Não vou citar nome de todos que participaram e os produtores mas sei que quando sair a capa oficial vão encontrar todas as participações e as produções.

Como você lida com a importância de lançar musicas com conteúdos poéticos sem fugir dessa vibe, e quais são os artistas nacionais e internacionais que são referencias pra ti nesse meio?

Jeucal Shine: Bem é difícil, e pior quando tu sabes que também podes e tens capacidade de fazer o que os outros fazem e são chamados de melhores e estão numa fase invejáveis, mas é uma missão. Quando é missão incumbida por um ser superior agente consegue lidar com tudo, tipo ouço músicas de artistas que eu não sinto, o facto de perderem tempo com poder, o talento é poder, nos torná Reis,  Heróis, e muitos usam a bata do heroísmo para comer frutas sozinhos ao lado de uma piscina. Isso não me excita, então a poesia me salvou, a palavra me levou a um nível de vida que se todos os sentissem garanto que teríamos um mundo diferente. Não vou mudar o mundo, mas alguém que eu lhe tornar ele pode mudar, eu sinto isso porque já eramos poucos mas hoje em dia a música para mim se tornou uma religião, onde eu uso os fãs como crentes, levo muito a serio essa cena de ouvirem as mensagens que eu deixei para o mundo. A poesia não é só porque eu rimo bué ou tenho knowledge demasiado não! Eu sou um ser iluminado. Eu tenho a mensagem eu tenho Deus dentro de mim que muitos perderam e eu luto para resgata-lo dentro do ser dos seres, as pessoas hoje já não são pessoas tornaram-se atores que cada um age  consoante a maldição que lhe persegui. E falta de luz, eu vivo num bairro onde um jovem matou o outro por causa de 50kzs, yha Bispo não tenho time para brincar com a música eu levo isso a serio, e com as rimas quero tirar a faca da mão desse boy da banda.

Bem artistas que me influenciam, bem eu já ouvi muitos Rappers nacionais, umas das minhas forças para pegar no Mic e começar a vocar foi o Kid Mc, porque eu sinto que ele percebeu a MSG, sibem que já ouvia Valete, Gabriel O Pensador, MCK, Phay Grande O Poeta, Dr Romeu, Ready Neutro e Lasta P. Mas quando ouvi o Kid senti que é agora, ele preparou o povo para percepção musical, mas hoje em dia, fiquei apenas com o Fly Squad, Balta P e o Cage One. Fly canta muito, é profundo e um revolucionário, ele abriu mente de pessoas, ele tem um dos maiores projetos do mundo a RRPL e faço parte, eu lhe admiro muito, e sinto que ele tem a luz! O Balta P atingiu um nível na vida em que eu corro “paz” e ele é um Monge tem as palavras, e é um mestre para mim, Cage One não pelo que canta, é que ele é o meu guião, vou vos contar ele é iluminado, ele também é enviado e ele tem o segredo! O resto respeito, ouço mas já não me excitam! Porque eu já não LIGO o flow, beats, métricas eu LIGO a mensagem, a liberdade, a paz interior, e muitos cantam bué mas não conhecem isso!

Sem esquecer o Allen Halloween, porque ele tem a mesma história que a minha e de concreto que ele conhece o caminho para iluminação, e ele faz a sua história fora dos tops e nomeações, ele é único.

Quais são as diferenças que podemos esperar do projeto atual dos projetos anteriores?

Jeucal Shine: Os projetos anteriores estava a lutar comigo mesmo, também não sabia quem eu erá, o que queria, cuspia fixe muita lirica, e nunca perdi o foco que é a mensagem e liberdade, mas nesse projeto já estou mais firme e algumas pessoas vão conseguir me perceber melhor, e nesse projeto tem o Rap Kuia, e as palavras estão com muita força e quem ouvir a TAP, vai ter outra forma de encarar o mundo, irá encarar de forma diferente, essa TAP vai exprimir o amor escondido das pessoas!

[nome do seu blog] [nome do seu blog]

Comentários

Deixe o teu comentário

Share.

About Author

Bispo Bispaço, é o fundador e único administrador do Portal Rap Kuia.

Leave A Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: