NGA, Isso não está a nos Kuiar, te queremos de volta!

1
[nome do seu blog]

 

Edson Silva, simplesmente NGA, Rapper Angolano radicado em Lisboa, Portugal. Surpreendeu tudo e todos quando anunciou de forma repentina, (aproveitando o “buzz” do vídeo PERFEITO que acabara de tirar) o lançamento do seu mais recente álbum Filho das Ruas II que acabou por ser comercializado no passado final de semana (dias 08 e 09 de Setembro) no parque na Independência em Luanda, tendo registado uma enchente total.

[nome do seu blog]

A Estratégia com os Media

Como todo produto que pretendemos comercializar devemos ter em conta as estratégias de negócio para coloca-lo ao alcance do nosso público-alvo, essa estratégia começou por de forma quase repentina como disse acima, a forma como anunciou o lançamento do mesmo (foi um golpe de mestre, mesmo no timing certo). Essa forma de anunciar gerou um alvoroço nos Media de tal forma que todos queriam ter o KING nos seus programas, canais, portais e etc de forma a tentar tirar alguma informação sobre o tão enigmático álbum (na altura) e assim foi; NGA aparecia como notícia em todos os locais mas o melhor estava por vir.

Aproveitando a onda, O Rei da LS lançou o vídeo de outra faixa do álbum: Tatuagens, Cicatrizes e Diamantes e aí… BOOM! O n#gga estava na boca do povo. A estratégia era mesmo essa que vou explicar adiante:

Por quê lançar a música como promo?

1.      Numa altura em que estamos a sair de um momento guerra (beef), queremos comercializar e promover um produto, não se deve criar segmentação do público-alvo e foi isso que o N#gga fez. Trouxe música para todos as idades de forma a tocar em todos.

2.      O Beef já não é rentável para o produto.

As 5 Estrelas para todos fazem parte dessa Estratégia?

– Claro que sim brada*, te mentiu quem disse que existe rapper humilde. Isso não é uma família. RapGame é um negócio e como tal, todos querem defender o seu produto e não é benéfico ter beefs com quem quer que seja senão passamos a ter um público reduzido. A título de exemplo: Você não pode beefar um N#gga do Cazenga numa altura que vais precisar de ir ao Marco Histórico vender a tua obra discográfica, isso é ESTRATÉGIA.

 

 

Decepção Musical face à Expectativa criada!

Antes de começar, gostaria de salientar que esta é uma opinião muito pessoal e não colectiva do site, cada um pode ter a sua própria apreciação, devemos as respeitar e finalmente gostaria que o artista em questão não considere um ataque à sua obra.

[nome do seu blog]

Quanto ao tão esperado álbum, gostaria de parabenizar em 1º lugar ao NGA por ter coragem de ter colocado mais um álbum no seu curriculum, todos nós sabemos o quão é difícil colocar uma obra na praça da Dipanda mas brada*, é como? A MadTapes? Warido*?.

[nome do seu blog]

Ponto alto do álbum para além da boa receptividade do público foi o aspecto da “Qualidade Sonora” que está muito boa (claro, Madkutz está no álbum né! ao álbum do KING que deixou um pouco a desejar nesse aspecto).

Decepção mesmo é a relação entre a grande expectativa criada e o álbum que estamos todos a ouvir. Ninguém estava à espera um álbum tão fora dos padrões e vai custar muito mas muito mesmo ou talvez não nos habituarmos com tal álbum. NGA descompassou em mais de 3 músicas, não sei se foi de propósito ou se é nova tendência no RapGame que eu não sei.

No computo geral, não está a Kuiar! Não tem nada de Mais Quente Que Fogo Volume 6; NGA vs Madkutz Volume 2; Filho das Ruas I; KING e ATITUDE nesse mambo.

Queremos o NGA de Volta!

[nome do seu blog]

POR: Mingo Chulo

[nome do seu blog] [nome do seu blog]

Comentários

Deixe o teu comentário

Share.

About Author

Lukau A. Lusueki, é o fundador e administrador do Portal Rap Kuia.

1 comentário

Leave A Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.